Clique aqui e leia a versão digital
Nº 1267 ano 2017
Data:

Principal Superação


Jovem deficiente é empregada em grande empresa de Palmas

Por: Redação
01/10/2017 21h:43min Atualizada em 01/10/2017 21h:43min
Foto: Divulgação
A jovem Adriele Possidônia tem na família e nos amigos o grande apoio para vencer suas dificuldades.

Quando o assunto é mercado de trabalho os dados e perspectivas são desanimadores e no geral poderíamos pensar que essa realidade é ainda mais difícil para pessoas com deficiência. Mas essa não é a visão da jovem universitária Adriele Possidônia, de 23 anos. Apesar de uma deficiência na perna, consequência do início de uma paralisia infantil e todas as dificuldades que enfrentou ao longo da vida, ela tem um discurso positivo e declara.

“No mundo que vivemos hoje, as portas estão abertas para as pessoas com deficiência. Não posso negar que tive oportunidades diferenciadas, sou bolsista na universidade e ocupo uma vaga para pessoas com deficiência na empresa onde trabalho, mas apesar disso houve seleção, tive que me preparar e venceu o melhor”. 

Ela está no último período do curso de Serviço Social e há um ano e meio atua no planejamento estratégico de uma agência de energia elétrica em Palmas. Para ela, o segredo do sucesso é não acreditar na limitação. “Sempre tem quem te olha diferente por causa da deficiência, mas minha mãe sempre me ensinou que eu sou mais do que isso e que o preconceito das pessoas só vai me atingir se eu aceitar”. A jovem tem na família e nos amigos o grande apoio para vencer suas dificuldades. 

“Minha mãe sempre teve muito medo que eu sofresse com o preconceito das pessoas. Mas esse medo fez com que me preparasse para a realidade fazendo que acreditasse em mim mesma”. Agradece Adriele. Adriele realiza serviços administrativos no setor de planejamento estratégico da empresa para mais de 1.200 funcionários. Destes, 52 são pessoas com deficiência empregadas no atendimento e serviços administrativos.

 

Comentários

Deixe um comentário

Palmas - Tocantins